EM ARGENTINA

EM ARGENTINA
Melhor se lido bajo ahiba , por data de postagem

3 de fev de 2010

San Telmo - Final

.
Em meio a chuva que já diminuira bem, no labirinto de barraquinhas procuramos um lugar para almoçar, me lembrava de um que tinha cantores e tal, mas nao sabia nem nome, nem  onde...liberei minha intuição, vira aqui, vira lá.. acho que é por aqui.. e sim, pronto ,é ele mesmo .. El Balcón !!!!

Gosto muito daqui, um restaurante pra turista, mas sem aquela coisa sizuda, capitalista. Os artistas levam de boa.. os garçons que atendem super naturais, muita simpatia, preços pra lá de justo.




Tudo muito a vontade, bem descontraído, gente do mundo inteiro, num climão de festa, todo mundo bebendo muito, cantando junto.. Raquelita se sentiu em casa, ficou a vontade. só sorrisos.



Pra lá de felizes a empolgação foi crescendo na mesma proporção em que os copos foram ficando vazios... culminou no "babão" do pai aos pés do palco, como testemunha o video..rsrsrsrsrs

Como não temos medo da vida rsrsrs arrematamos o festim dionisíaco com um maravilhoso FLan argentino !!!!!



EXÚ: Sr. TRANCA RUA NA ARGENTINA !!!!

Capítulo a parte conto agora coisa de minha crença. Acredita quem quiser..por tudo tenho respeito !


Fato 01 - Vimos num museu que o tango tem origem nas danças crioulas, dos negros, o que chamam de Cadombé, pra nós cadomblé.


No Show que vimos, de fato, o ultimo número belíssimo, um dançarino entra só, tocando um atabaque imenso. batida de ponto. bailarinas e bailarinos fazem um movimento de santo e na sequencia, um passo evoluido para o tango. belíssimo, percebe-se claramente a influência.


Fato 02 - Assim que chegamos na feirinha, parasilei diante de uma barraca, diante de um chapéu vermelho com fita preta. Não resisti , fui direto nele, experimentei, ficou grande, não tinha outro.. desencanei..segui.


Depois, no el Balcón, ao sair no terraço para fumar, meu olhar parasilou, de cima, olhando a pracinha avistei em outra barraca o tal chapéu vermelho e preto .. tremi ...


Assim que a cada cigarro que ia fumar, lá ficava eu com o olhar em cima, fixo no "rojo sombrero ".

Como Exú é dono de tudo que é matéria, nada pode comprar, tudo tem que ganhar, por isso tem ele a primazia do ebó.


Esperto, dei dinheiro pra Raquelzinha e combinei.. ao sair paramos na barraquinha , experimento , se gostar e servir voce compra e me oferece de presente o sombrerito ! (rsrs )

O danado serviu como uma luva. E lá fui andando todo vaidoso, inocente, sem saber de fato o que estava por vir , o que mais queria o senhor tranca rua...

Literalmente com o "santo virado" , enquanto Raquelita uns aneizinhos comprava, sentei-me num bar e numa sede estranha 3 margaritas bem servidas fui virando.. kkkk


Gargalhando muito, de tudo querendo rir... mal sentou-se Raquelzinha na mesa e por mim foi surprendida com um grito - Mira esto ! e Pronto, num golpe rápido catei uma das pombinhas que estava na calçada ali ao lado..


Pela destreza e pelo inusitado, a menina tomou um susto , soltei a pombinha e pedi, pega a máquina, faço de novo, quero isto registradado, e vapt, catei outra pra espanto generalizado..

Depois só sei das coisas, brincalhão, atrevido, mexendo com as donas , sem ofensas é claro, pelos relatos de Raquel.

Tranca Rua é assim, Senhor das farras e das curas, brinca com as Donas, brinca com as pombas, é dono delas, as toma, as gira , é dono das pombas-gira !



Me garantiu Raquel que eu não fiz nada de errado , mas pelo sim pelo não, o chapéu já está bem guardado...kkkkkkkkkkk

Só volto a usá-lo num terreiro de umbanda, num ponto bem riscado !!!!!


Um comentário:

Não estou só, participe comente

Seguidores